Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O Gestor de Projeto Moderno

O Gestor de Projeto Moderno

13
Out19

Os 5 processos básicos na criação de uma startup

Luís Rito

Olá !

 

Parece que nos dias de hoje todos anseiam por ser empreendedores. Ter o seu próprio negócio está mesmo na moda. Os motivos são vários, alguns procuram-no porque não se sentem realizados nos seus empregos atuais, outros acham que vão enriquecer, outros querem ter a liberdade de tomar as rédeas e ser responsáveis por todas as decisões e não terem que obedecer a hierarquias enquanto outros apenas anseiam por criar algo e deixar a sua marca na humanidade. Seja qual for o motivo, ao longo dos anos tenho falado com pessoas que querem muito criar um negócio, mas que não respeitam o mínimo dos mínimos que devem assegurar para colocar de pé uma empresa. Independentemente da empresa, seja ela grande ou pequena, deve seguir 5 processos básicos para assegurar a sua sobrevivência. Parece simplista mas na realidade creio que tudo se resume a 5 macroprocessos. Isto significa que se queres criar um negócio do zero, aconselho-te a olhar com muita atenção para os 5 processos que te descrevo abaixo.

 

Criação de valor

 

Este é o processo basilar. Apenas tens uma empresa se produzires algo de valor que o mercado queira comprar. Seja um produto ou um serviço, o teu objetivo deve ser encontrar uma necessidade e satisfazê-la. Podes optar por procurar uma necessidade nova ou tentar ganhar uma parcela num mercado já implantado. Sempre que exista concorrência, apenas vais conseguir vingar se o teu produto/serviço for melhor ou se cobrares um preço mais baixo. Muitas startups tecnológicas focam-se em nichos de mercado para construir o seu negócio. Temos ainda algumas empresas que conseguem criar novas necessidades, e sempre que isso acontece normalmente a empresa ganha uma boa vantagem competitiva inicial. Por exemplo a Tesla, optou por criar o seu carro eléctrico numa altura em que nenhuma empresa tinha essa tecnologia madura. Com isso conseguiu uma grande vantagem no que toca a tecnologia de baterias para automóvel. Se estás a dar os primeiros passos na criação de uma empresa, certifica-te que te encontras a produzir valor que o mercado procura.

 

Marketing

 

Pois é, não basta criar algo de valor, há que mostrar ao público-alvo que temos algo interessante que pode resolver os seus problemas. É aí que entra o processo número dois, o marketing. Já reparaste como um bom marketing faz toda a diferença? Como pode transformar um produto bom num produto excelente? Vê por exemplo o marketing que é feito pela Apple. Os seus produtos são verdadeiramente desejados por uma legião de pessoas, transformando-as em seguidoras fiéis que espalham a palavra acerca das maravilhas que é ter um produto da marca da maçã. Se estás portanto a construir uma startup, não descures o poder do marketing. Podes até ter algo de valor, mas se não chegas às pessoas a quem o queres vender não vais conseguir ter sucesso.

 

Vendas

 

Todas as empresas têm uma equipa comercial. São quem consegue transformar prospects em clientes pagantes, e a tua empresa não é exceção. Criaste um bom produto ou serviço, investiste em bom marketing, e agora necessitas de fazer os futuros clientes terem a certeza que se comprarem a ti vão ficar melhor servidos do que se comprarem ali ao concorrente vizinho. Uma boa equipa comercial aliada a bons processos pode fazer toda a diferença numa empresa. Estas pessoas têm que conhecer de trás para a frente o que a empresa vende, e têm que ter a capacidade de responder a todas e quaisquer questões que os potenciais clientes possam ter.

 

Startup

 

Fornecimento de valor

 

Se chegaste até este processo então parabéns, já te encontras a vender algo. Este processo visa detalhar a forma como vais entregar o teu produto ou serviço. Vais fazê-lo através da internet? Vais fornecer um serviço em que terás de estar presencialmente junto do cliente? Ou por outro lado vais utilizar um intermediário para fazeres as tuas vendas? A forma como vais entregar valor ao teu cliente deve ser detalhada para que não tenhas surpresas futuras. Para além disso, neste processo deves também pensar em serviço pós-venda. Vais ter algum? Como vais responder a questões dos teus clientes? Como vais lidar com as reclamações caso tenhas algumas? Não assumas que depois de fazeres a venda a tua relação com o cliente acaba por aí. Quanto mais satisfeito o mantiveres maior possibilidade existe dele falar bem da tua empresa a outros potenciais clientes. Já para não falar que se vendes mais que um produto ou serviço podes tentar fazer-lhe cross-selling ou up-selling. Não descures este ponto muito importante.

 

Finanças

 

Por último vem aquilo que mantém as empresas em funcionamento, o dinheiro. Uma empresa apenas se consegue manter em funcionamento enquanto o seu fluxo de caixa é positivo, ou seja, as receitas forem superiores aos custos. Se isso não acontecer mais tarde ou mais cedo vais ter que fechar portas e encerrar atividade. Deves portanto gerir as finanças da tua empresa com especial detalhe. Faz orçamentos, verifica continuamente se estás ou não a gastar mais que devias, e se estás, faz planos de ação para reduzir custos e manter a empresa com uma boa saúde financeira. Tenta não te endividares muito, principalmente se estás ainda a lançar-te na tua pequena startup. Considero que nesta fase de arranque há que ser um pouco cauteloso e jogar mais pelo seguro, senão corres o risco da tua empresa fechar e ainda te veres a braços com empréstimos de créditos que tens que assegurar.

 

Em jeito de conclusão, se estás a pensar abrir o teu próprio negócio, foca-te pelo menos nestes 5 grandes processos. Deves ter resposta para todos eles antes de te lançares. Lembra-te que não necessitas de processos perfeitos, já que com o tempo vais acabar por afiná-los. Contudo, tenta pelo menos pensar sobre o que te falei acima, já que te vai obrigar a uma reflexão que muito possivelmente te vai salvar a muitos dissabores futuros.

 

Este post foi inspirado no livro "O meu MBA" do Josh Kaufman.

 

Espero que tenhas gostado, até à próxima 

 

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D

Livro Liberdade Financeira